Thursday, July 21, 2005

Da noite

Das noites inquietas fica o desalinho nos músculos e um engenho triste a mais no peito.

4 Comments:

Blogger R. said...

Nem sempre fica um engenho triste...

3:03 PM  
Blogger legivel said...

...dos dias, sobra-me o engenho em como hei-de gastar as noites.

6:22 PM  
Blogger Calamity Spot said...

textualmente. muito bonito, e exacto. :)*

9:20 PM  
Blogger Raquel V. said...

Das noites que antecedem... inicia-se o medo desse acontecimento...

8:04 PM  

Post a Comment

<< Home